A Crise na Biodiversidade e suas Reverberações na Saúde Humana: um Panorama Teórico

Autores

  • Lázaro Araújo Santos Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia. BA, Brasil.

Resumo

O declínio da biodiversidade devido as ações humanas têm sido documentadas há muito tempo. Contudo, nas últimas décadas esse declínio tem atingidos valores alarmantes. Como resultado da perda da diversidade biológica observa-se inúmeras consequências, o presente trabalho, enfocara nas consequências sanitárias, e, dessa forma discutirá quais são as principais reverberações que a atual crise na biodiversidade acarreta a saúde humana. Para tanto, foram realizadas buscas bibliográficas em diferentes plataformas acadêmicas. Após análise dos artigos selecionados, inferiu-se que as principais consequências da perda da biodiversidade para saúde humana foram:  Aumento no número de doenças zoonóticas; crescimento no número de pessoas que adoeceram direta, ou indiretamente – devido a mudanças climáticas e a emergência e/ou re-emergência de enfermidades provenientes da poluição. Assim, sugere-se que estudos que incorporem as duas dimensões, saúde e biodiversidade, possam ocorrer com maior ênfase, tendo em vista que compreender essa correlação não só nos auxiliará na construção de mecanismo de proteção como, também, poderá ajudar na elaboração de medidas para evitar doenças com potencial pandêmico. Além disso, faz-se necessário a inserção de ações conservacionistas dentro das políticas de saúde global, uma vez que diferentes quadros patológicos são oriundos das modificações que a humanidade vem realizando à biodiversidade. 

 

Palavras-chave: Conservação. Diversidade Biológica. Políticas Sanitárias.

 

Abstract

Biodiversity decline due to human actions has been documented for a long time. However, in recent decades this decline has reached alarming levels. As a result of the loss of biological diversity, there are numerous consequences, this work will focus on the health consequences, and thus will discuss what are the main reverberations that the current crisis in biodiversity causes to human health. Therefore, bibliographic searches were carried out in different academic platforms. After analyzing the selected articles, it was inferred that the main consequences of the loss of biodiversity for human health were: Increase in the number of zoonotic diseases; growth in the number of people who became ill directly or indirectly due to climate change and the emergence and/or re-emergence of illnesses arising from the emergency. Thus, it is essential that incorporating as two dimensions, health and biodiversity, occur with greater emphasis, considering that understanding this comparison of studies not only in aids in the construction of a protection mechanism, but also can help in the definition of measures to prevent diseases with pandemic potential. In addition, it is necessary to insert conservation actions within global health policies, since different pathological conditions arise from the modification that humanity has been making to biodiversity.

 

Keywords: Conservation. Biological Diversity. Health Policies.

 

Publicado

2021-12-14

Edição

Seção

Artigos